estou jantando e não trabalho domingo à noite

Sinopse

Em um domingo à noite liguei para 3 prestadores de serviços: um médico, um cara que faz filmagens em festas e uma vendedora de uma agência de turismo. Sou cliente do médico há 15 anos e cliente da vendedora há 5 anos. O cara da filmagem faz trabalhos para mim pela primeira vez.

Em questão de 30 minutos, recebi dos 3 “profissionais” as respostas que estão no título: o médico disse: “eu estava jantando...”, o cara da filmagem disse “não costumo trabalhar domingo à noite” e a vendedora da agência de turismo disse “não atendo consultas domingo à noite”.

Os 3 contatos foram por telefone e eu queria informações que não tomariam deles mais do que 30 segundos!!!

Fiquei inspiradíssimo para escrever este texto (domingo à noite) para vocês, meus clientes!!! Se tiverem em suas empresas gente como os 3 “profissionais” acima, DEMITA IMEDIATAMENTE!!!

Trata-se de vadios, gente sem ambição e que não entende a importância do cliente. As áreas comerciais das organizações estão repletas deste tipo de gente. Também em outras áreas que não têm contato direto com o cliente mas que, obviamente, têm clientes internos, estas atitudes são comuns. Eu é que sei, ouvindo diariamente relatos deste tipo nas empresas.

Não há treinamento nem conscientização que resolva estes casos. Simplesmente não perca tempo com esta escória. Demita e apóie somente aqueles que não têm hora!!! Lembre-se que quando seu cliente está ligando para sua empresa, ele não está ligando para seu concorrente!!! É uma bênção uma ligação de um cliente!!!

Um abraço fraterno para todos e boas vendas (mesmo no domingo à noite)!!!


Paulo Ricardo Mubarack
Baixe o artigo em PDF